quarta-feira, 23 de outubro de 2019

AGRICULTURA - Programa Jovem Saber é realizado em Erval Velho


A Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Santa Catarina (FETAESC) promoveu  desde a última segunda-feira (21) até nesta quarta-feira (23) o VII Módulo do Programa Jovem Saber em Erval Velho.

Juntamente com a Presidente do Sindicato do município, Vanessa Parisenti, assessora e o Coordenador Estadual de Jovens da FETAESC, Adriano Gelsleuchter, jovens das cidades de Irineópolis, Vargeão, Ponte Serrada, Balneário de Piçarras, Joinville, Biguaçu, São João do Oeste, Itaiópolis estiveram visitando várias propriedades rurais de olho na Sucessão Rural, ou seja, o que influencia o jovem a permanecer ou não no meio rural.

Propriedades produtoras de grãos, suínos, frangos, caprinos, produtos colonias , energia solar e gado leiteiro foram visitadas pelo grupo. Visitas também foram realizadas no KEGE das Orquídeas e por fim o encerramento do encontro na Gruta Nossa Senhora de Lourdes. Vanessa relatou que várias são as propriedades que estão utilizando fortemente a tecnologia para obterem melhores resultados em suas produções, como é o caso da propriedade do Sr. Lodoir Caraffa com a produção de energia solar, na criação de suínos. Na leitaria do Sr Levi Tonial, a produção é gerada com recursos altamente tecnológicos.

A Vice-presidente do Sindicato de Itapiranga e Coordenadora de Jovens da Microrregião Três Fronteiras, Simone Lerner, ressalta a importância do apoio dos prefeitos e autoridades públicas no meio rural:

''Achei bem interessante que o prefeito veio em nossa janta ontem a noite, confraternizar, trocar experiencias e conversar. É muito importante que os prefeitos e autoridades apoiem a agricultura familiar e local. Segundo ele, 70% é agricultura familiar e é a base que sustenta o município'', finalizou Simone.

Para o Coordenador da FETAESC, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais tem poder muito forte:

''Nós, recentemente, tivemos uma luta muito intensa em nível nacional, ontem foi aprovada a reforma da previdência, ainda falta ser sancionada mas, se não fosse uma luta muito forte do movimento sindical, os agricultores estariam sendo penalizados e muito dentro da proposta inicial. Conseguimos um folego de estar mostrando que a agricultura precisa ser tratada diferente '', afirmou Adriano.

O grupo deixa também um grande convite para o Festival da Juventude Rural, o qual acontece em abril de 2020, em Brasília. CONFIRA O VÍDEO:











Por: YURI FERRARI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário