sexta-feira, 24 de agosto de 2018

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Erval Velho trata de assuntos polêmicos nesta quinta-feira


Na sessão ordinária desta quinta-feira (23), vários assuntos polêmicos foram tratados, entre eles sobre um funcionário público aposentado, que substitui servidores públicos e o seu pagamento não consta no Portal da Transparência, o Vereador Douglas Davoglio cobrou ao líder de governo que o mesmo traga maiores explicações. 

Outro assunto polêmico discutido pelos Vereadores da Casa, foi as horas extras realizadas por alguns professores da rede de ensino municipal, professores ACTS que realizam 40 horas estão recebendo horas extras, oferecidas apenas para alguns e que deveriam ser organizados e distribuídos de maneira correta e justa, principalmente a professores que estão trabalhando a anos. Na palavra do Vereador Vanoaldo Galhotto o mesmo comentou que há professores que receberam até R$200,00 de horas extras, o que chamou a atenção, pois este valor foi recebido apenas em um mês.

Ainda na sessão desta quinta, Vereadores cobraram explicações sobre o serviço executado nas tubulações de esgoto que fazem a passagem pelo rio do município,  e se a obra está sendo fiscalizada por algum setor da administração. Os Vereadores alegaram que essas tubulações podem vir a causar problemas em caso de muita chuva, trancando rios e causando alagamentos em casas, comércios e até mesmo no Ginásio de Esportes que recentemente passou por reformas e melhorias. O Vereador Eduardo Bordin solicitou a presença do Engenheiro que está realizando as obras, para que compareça na Casa Legislativa com explicações sobre o funcionamento, prazo de entrega e o valor que será cobrado dos munícipes. O Líder de Governo se pronunciou dizendo que a obra é realizada por mais de um Engenheiro para funcionar corretamente.

A Rádio Erval FM entrou em contato com o Secretario da Administração Alduir Mocelin o qual nos encaminhou para conversa com o Assessor do Prefeito Christian Conte que preferiu não se manifestar até o momento.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário