terça-feira, 14 de agosto de 2018

Motorista que se envolveu em atropelamento com duas mortes deixa a prisão


Deixou a prisão na última sexta-feira, 10, o motorista que se envolveu em um acidente com duas mortes na SC-355, em Catanduvas. A justiça havia concedido a liberdade provisória mediante o pagamento de uma fiança ainda no dia 6, mesma data do acidente, porém, o preso não conseguiu reunir a quantia imediatamente.

A fiança estipulada pelo juiz foi no valor de R$ 10 mil, quantia, que segundo o advogado de defesa, Marco Antônio Vasconcelos Alencar Junior, estava acima dos padrões financeiros do seu cliente.

O benefício da liberdade provisória foi concedido, segundo o juiz responsável pelo caso, por que “o autuado não possui antecedentes criminais e não há nos autos elementos a indicar que representa risco à ordem pública. De igual modo, inexistem no procedimento elementos a demonstrar risco à instrução criminal ou à aplicação da lei penal, pois o conduzido possui endereço conhecido e profissão lícita declarada”.

Sobre a defesa do indiciado, o advogado informou que com o andamento do processo irá demonstrar que as vítimas estavam no meio da pista e não no passeio, “colocando assim a própria vida em risco”. A defesa tentará provar ainda que mesmo com o teste do bafômetro confirmando a embriagues do motorista ele não estaria com as condições psicomotoras alteradas.

Relembre

O motorista do carro com placas de Erval Velho provocou uma tragédia na SC-355, em Catanduvas. Ele atropelou e matou duas mulheres por volta da 0h15, o acidente aconteceu no trecho urbano do município, distrito industrial, na entrada da cidade.

Segundo a Polícia Militar, o carro envolvido foi um Fiat Palio, dirigido por Emerson Grisa, de 35 anos. O Corpo de Bombeiros foi acionado para atender as vítimas, mas ao chegar nada puderam fazer. A PM informou ainda que com o forte impacto as vítimas, as jovens Marisete Rama e Diana Freislebem, foram jogadas por mais de 50 metros e o veículo parou 72 metros depois de onde estavam os corpos das vítimas

O motorista foi submetido ao teste do bafômetro, que apontou 0.91 miligramas de álcool por litro de ar expelido, muito além do permitido. Ele foi preso em flagrante.

Fonte: Éder Luiz

Nenhum comentário:

Postar um comentário