sexta-feira, 29 de junho de 2018

Santa Catarina dá início à Operação Esforço Integrado na Fronteira

Foto:Polícia Militar/Divulgação
A Operação Esforço Integrado na Fronteira, em Santa Catarina, começou às 15h desta quinta-feira, 28. A ação das Militar, Civil, Federal, Rodoviária Federal e da Argentina, receitas Federal e Estadual, Cidasc, secretarias da Justiça e Cidadania e Defesa Civil, além do IMA e IGP, se estende, na divisa com o RS, de Itapiranga a Mondaí e, com o PR, de Dionísio Cerqueira a São Lourenço d’Oeste, passando por todo o limite com o território argentino. O número do efetivo envolvido não foi informado.

Policiais argentinos estão auxiliado como observadores na conferência de documentos de veículos do país vizinho, assim como os brasileiros fazem o mesmo trabalho naquele país. As informações são do tenente-coronel da PMSC, Jailson Aurélio Franzen, coordenador do Centro de Comando e Controle Integrado da operação, montado em Dionísio Cerqueira pelo Batalhão de Ajuda Humanitária da PM.

O centro de comando catarinense conta com acesso à internet e está online com o Centro de Comando e Controle da Secretária Nacional de Segurança Pública (Senasp), em Brasília, responsável por toda a operação nos 11 estados. Em SC, o comando é do tenente-coronel Alexandre dos Santos Cabral e o planejamento começou faz cerca de 30 dias pelas diretorias de Integração e a de Informação e Inteligência da Secretaria de Estado da Segurança Pública.

O trabalho conjunto tem como objetivo implementar ações de controle da criminalidade e da violência, com foco no tráfico de drogas, contrabando de armas, homicídios, furtos, roubo e receptação de veículos, principalmente.


Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário