quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Luciano Hang chega à Joaçaba para inaugurar megaloja da Havan

Foto:Dono da Havan durante entrevista coletiva em Joaçaba
O dono da Havan, Luciano Hang, chegou à Joaçaba na manhã desta quarta-feira (29) para ultimar os preparativos da inauguração da megaloja, que acontece no próximo sábado (2).

Recepcionado pelo vice-prefeito Jucelino Ferraz, representando o prefeito Dioclésio Ragnini que se encontra em viajem, Luciano apresentou a estrutura de 7 mil metros quadrados de construção, com investimos que giram em torno de R$ 30 milhões, e que foi montada em tempo recorde. “Estamos mostrando em primeira mão para a imprensa o que vai acontecer no sábado. Tem muita coisa para fazer ainda, mas em dois dias deixaremos tudo perfeito”, destacou o dono da Havan. “Quero convidar toda a população para conferir essa grande festa. Vamos revolucionar, somar, desenvolver, gerar mais empregos. Todos vão ganhar”, completou Luciano.

O empresário afirma que a Havan será um centro de compras e de entretenimento. “Queremos que as pessoas da região venham à Joaçaba, pois será um local para passear, para trazer a família. A Havan será um sucesso e a população de Joaçaba ficará muito orgulhosa”, ressaltou Luciano. De acordo com ele, a loja de Joaçaba terá quatro praças de alimentação e quatro salas de cinema. “Estamos pressionado o pessoal para instalar as salas de cinema, mas estão montando nas lojas de Indaial, São Bento e Porto Belo. São quatro projetos conosco e temos urgência, porque Joaçaba quer os cinemas”.

Críticas à Joaçaba

Durante a apresentação, Luciano fez questão de esclarecer as críticas que fez à Joaçaba, na inauguração da loja de Indaial.  “Eu critiquei sim, mas não o povo e nem a atual gestão. Eu critiquei o passado. Acho que muitas pessoas do passado trabalharam para engessar a cidade, para complicar as coisas. Quem sofre com isso é o cidadão no dia a dia, quando precisa de alguma coisa na Prefeitura, e os empresários que vem investir aqui”.

O empresário fez questão de elogiar a atual gestão que alterou leis para viabilizar o empreendimento. “Aqui tivemos que trocar três leis: a de zoneamento, dos banheiros e a legislação para abrir o comércio aos domingos e feriados. As leis que foram modernizadas para a Havan vão ajudar a população e os próximos empreendedores. Parabéns e muito obrigado Dioclésio (Ragnini). Você fez a diferença”, concluiu.























Confira a entrevista com Luciano abaixo:


Fonte: Caco da Rosa

Nenhum comentário:

Postar um comentário