sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Quatro são condenados por estupro coletivo após baile no Oeste de SC

Quatro homens foram condenados em segunda instância pelo estupro coletivo de uma jovem de 19 anos em um baile no Oeste catarinense, informou o Tribunal de Justiça de Santa Catarina. O caso ocorreu em 17 de abril de 2016. A Justiça não revelou a cidade do fato para resguardar a vítima.

A decisão pela condenação foi unânime da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Somadas, as penas dos quatro homens ficam em 46 anos e seis meses de regime inicialmente fechado.

Entretanto, segundo o Tribunal de Justiça, a execução penal só será cumprida após todos os recursos.

Carona após baile

Conforme denúncia do Ministério Público divulgada pelo TJSC, a vítima e uma amiga de 15 anos aceitaram uma carona e foram levadas de carro para uma área descampada, após um baile.

Quando o carro foi estacionado, os homens começaram a ameaçar as vítimas - um deles estava armado, segundo a Justiça. Somente a adolescente conseguiu fugir e buscar a Polícia Militar. Segundo a denúncia, a violência sexual contra a jovem de 19 anos só foi interrompida com a chegada da PM, horas depois.

Todos os réus negaram os fatos e chegara a "insinuar que as garotas estavam bêbadas", de acordo com o TJSC.

Em seu voto, o desembargador Sergio Rizelo reiterou a necessidade de combater e prevenir atos "ignóbeis, reinantes numa sociedade com forte viés machista".

Fonte: G1/SC

Nenhum comentário:

Postar um comentário