segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Polícia Militar atende a três ocorrências de Violência Doméstica durante final de semana em Campos Novos

Violência doméstica é a violência, explícita ou velada, literalmente praticada dentro de casa ou no ambiente familiar, entre indivíduos unidos por parentesco civil (marido e mulher, sogra, padrasto, filhos) ou parentesco natural (pai, mãe, filhos, irmãos, etc.). Inclui diversas práticas, como a violência e o abuso sexual contra as crianças, maus-tratos contra idosos, e violência contra a mulher e contra o homem geralmente nos processos de separação litigiosa além da violência sexual contra o parceiro.

Pode ser dividida em violência física, quando envolve agressão direta, contra pessoas queridas do agredido ou destruição de objetos e pertences do mesmo (patrimonial); violência psicológica quando envolve agressão verbal, ameaças, gestos e posturas agressivas, juridicamente produzindo danos morais; e violência socioeconômica, quando envolve o controle da vida social da vítima ou de seus recursos económicos. Também alguns consideram violência doméstica o abandono e a negligência quanto a crianças, parceiros ou idosos.

Muitos casos de violência doméstica encontram-se associados ao consumo de álcool e drogas, pois seu consumo pode tornar a pessoa mais irritável e agressiva especialmente nas crises de abstinência. Nesses casos o agressor pode apresentar inclusive um comportamento absolutamente normal e até mesmo “amável” enquanto sóbrio, o que pode dificultar a decisão da parceira em denunciá-lo.

Mais uma vez durante o final de semana, a Polícia Militar de Campos Novos, registrou mais três casos de violência doméstica, o primeiro aconteceu ainda no início da tarde da última sexta-feira (08), onde a PM registrou ocorrência de violência doméstica, ameaça e descumprimento de medida judicial, na Rua: Dorcílio Crispim Corrêa no bairro Senhor Bom Jesus.

No local os Policiais Militares constataram que a vítima, uma mulher de 53 anos, foi ameaçada por seu ex-marido com uma faca, com qual já está separada há mais de dois anos. O autor das ameaças se encontrava estava totalmente embriagado e se encontra em regime de prisão condicional. Diante dos fatos o agente foi preso e conduzido à Delegacia de Polícia Civil, juntamente com a faca utilizada nas ameaças, onde foi entregue por violência doméstica, ameaça e descumprimento de ordem judicial, para os procedimentos cabíveis e confeccionado o Boletim de Ocorrência de Prisão e Apreensão.

O segundo fato, foi registrado às 22h22min de domingo (10), na Rua: Salvador Vieira, bairro São Sebastião. No local os policias militares constataram que a vítima, uma mulher de 34 anos, foi agredida fisicamente e ameaçada de morte pelo seu companheiro, o qual já havia fugido do local e não foi localizado. Foi confeccionado o Boletim de Comunicação de Ocorrência.

O terceiro caso tratou-se de uma ocorrência de Violência contra o Idoso aos 13 minutos da manhã desta segunda-feira (11), na Rua: Blumenau bairro Boa Vista. No local os Policiais Militares constataram que um homem de 60 anos foi ameaçado de morte pelo seu filho de 19 com uma faca, sendo que a vítima teve que correr para a rua para escapar e chamou a polícia. O agente se encontrava na casa de posse de duas facas e foi preso e conduzido à Delegacia de Polícia Civil, onde foi entregue para os procedimentos cabíveis e confeccionado o Boletim de Comunicação de Ocorrência, o qual responderá por violência doméstica e ameaça.

Vale ressaltar que nem todo caso de violência Doméstica a vitima apresenta queixa na Polícia Civil ou Militar e todo tipo de agressão deve ser denunciado. 

Fonte: Simpatia FM

Nenhum comentário:

Postar um comentário