terça-feira, 22 de agosto de 2017

Órgãos do jovem Marcelo Dalla Nora são captados para doação

Com um nobre gesto em meio ao um momento de dor. Foi assim que a família de Marcelo Dalla Nora de 23 anos agiu, após ter confirmada a morte cerebral do jovem decorrente de um um acidente de moto no interior do município de Lacerdópolis e que o deixou hospitalizado por vários dias. A família do jovem autorizou a captação de órgãos como rim, fígado e coração dele para doação, ajudando a salvar a vida de outras pessoas.

A morte cerebral do jovem foi confirmada pela manhã desta segunda-feira (21) e em seguida após a autorização da família já se iniciaram os preparativos para a captação dos órgãos, procedimento que é bastante complexo. E foi durante o final da noite de segunda-feira, que os aviões que transportariam os órgãos captados chegaram a Joaçaba.

Problemas para o pouso

O primeiro avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que se dirigiu a Joaçaba teve problemas para o pouso no aeroporto Santa Terezinha devido ao vento muito forte. Foram três tentativas e em seguida a aeronave foi para Chapecó para reabastecimento e chegou a tentar novamente mais tarde, mas não conseguiu pousar e retornou para sua base no Rio Grande Do Sul. Na sequência, um outro avião de táxi aéreo com outra equipe médica que captaria rins e fígado conseguiu pousar. Por fim, um segundo Avião da FAB chegou à Joaçaba e apesar das dificuldades por causa do vento, também conseguiu pousar, desta vez com os médicos que captariam o coração do jovem.

Apesar dos imprevistos e dos problemas enfrentados, as captações aconteceram e agora outras vidas poderão ter continuidade graças a atitude nobre da família de Marcelo.

Com informações site Michel Teixeira

Nenhum comentário:

Postar um comentário