terça-feira, 8 de agosto de 2017

Diretores da rede estadual de educação recebem livro Gestão Democrática da Educação

Foto 16 - Maria de Lurdes Seben, Paulo Paz, Roselei Hanz
e Almeri Dedonatto
Diretores das escolas da rede estadual de educação receberam a publicação “Gestão Democrática da Educação: da base legal à prática na escola”. A entrega foi realizada na última semana durante uma capacitação. O livro foi elaborado pelo Movimento Santa Catarina pela Educação em parceria com a Secretaria do Estado da Educação. O objetivo é indicar diretrizes operacionais para a gestão democrática da educação, com abordagem da administração dos sistemas de ensino e com enfoque principal na educação básica.

O gerente técnico de Educação e Tecnologia do SENAI, Almeri Dedonatto, enfatizou que essa é uma ação do Movimento Santa Catarina Pela Educação para fortalecer a gestão escolar, uma das temáticas centrais do Movimento. “A intenção é promover a gestão mais eficiente em várias dimensões, não apenas a pedagógica, mas também no âmbito contábil, tecnológico, de infraestrutura, entre outros”. A publicação traz também a base legal sobre os planos nacional, estaduais e municipais de educação. “Paralelo ao livro existe um instrumento de autoavaliação que está disponível no site do Movimento”, acrescentou Dedonatto. No encontro, os diretores também foram incentivados a participar do Prêmio Gestão Escolar 2017.

De acordo com a gerente regional de educação da ADR Chapecó, Maria de Lurdes Seben, a publicação contribuirá no trabalho que já é desenvolvido. “Os gestores estão participando de uma formação de 200 horas. O livro tem vários exemplos e veio para somar com os projetos que realizamos nas unidades escolares”, realçou.

A publicação “Gestão Democrática da Educação: da base legal à prática na escola” está estruturado em três partes: gestão democrática, instrumento de autoavaliação na prática e resultados obtidos. Apresenta embasamento legal dos planos nacional, estadual e municipal de educação, além de estratégias e instrumentos de gestão para auxiliar os gestores a atingir as metas estabelecidas no seu planejamento na expectativa de promover a melhoria da qualidade da educação.

A ação está acontecendo em todo o Estado de Santa Catarina com envolvimento das escolas municipais e estaduais. Em Chapecó, os gestores das escolas municipais receberam o livro em julho.

MOVIMENTO SC PELA EDUCAÇÃO

O Movimento Santa Catarina pela Educação é uma iniciativa desenvolvida pela Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC) desde 2012, com participação do SESI e do SENAI. Obteve a adesão das federações patronais e dos serviços de aprendizagem e social do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio, Senac e Sesc), Agricultura (FAESC e Senar) e Transportes (Fetrancesc, Sest e Senat), além das entidades representativas dos trabalhadores das indústrias e de instituições públicas, como a Secretaria de Estado da Educação e a União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime-SC). Os principais desafios são de proporcionar a todos os trabalhadores catarinenses a escolaridade básica completa até 2024 e formação profissional e tecnológica compatível com a função, com foco na educação para o mundo do trabalho e na articulação e influência social na educação de Santa Catarina.

Fonte: MB Comunicação Empresarial/Organizacional

Nenhum comentário:

Postar um comentário