quinta-feira, 13 de julho de 2017

Operação da PF prende videirense por pedofilia em Concórdia

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (12) ação de combate ao crime de pedofilia pela internet em Concórdia. Foi cumprindo mandado de busca e apreensão que resultou na apreensão de um notebook, um HD externo, três HDs, e um celular, sendo que nos HDs e notebook foram encontrados aproximadamente 4.900 vídeos e imagens relativas a exploração sexual de crianças e adolescentes.

O material foi encontrado em um quarto da residência de um jovem de 29 anos de idade, natural de Videira. Ele foi preso em flagrante pela prática do crime previsto no artigo 241-B, da Lei 8069/90, cuja pena prevista é de reclusão de 1 a quatro anos e multa. O flagrante foi lavrado pela Delegacia de Polícia Federal de Chapecó e o preso, após o pagamento de fiança de R$ 10 mil foi liberado, sendo que irá responder ao processo em liberdade provisória mediante fiança.

A ação foi decorrente de inquérito instaurado nesta Delegacia, há cerca de 90 dias para apurar fatos noticiados na Operação “Cabrera”, a qual foi deflagrada em nível nacional em maio deste ano e teve por objetivo combater a pedofilia através da internet.

Com o surgimento dos primeiros indícios da atividade criminosa e o aprofundamento da investigação, foram reunidas evidências e solicitada à Justiça Federal a expedição de mandado de busca e apreensão para o endereço residencial, onde o material foi apreendido nesta quarta-feira.

Fonte: Comunicação Social da Polícia Federal em Chapecó

Nenhum comentário:

Postar um comentário