quinta-feira, 2 de março de 2017

Estado de saúde da criança que teve 90% do corpo queimado em Lacerdópolis é gravíssimo

Os pais, Leonardo e Maiara, acompanham a filha na Capital do Estado


Foto: Publicidade
É gravíssimo o estado de saúda da menina Emyli de Oliveira, 2 anos, vítima de incêndio na manhã desta terça-feira (28) em Lacerdópolis.

A informação foi confirmada pela equipe médica do Hospital Infantil Joana de Gusmão em Florianópolis, para onde a menina foi levada de avião na noite de ontem.

A criança teve cerca de 90% do corpo queimado e está na UTI.   A preocupação dos médicos, que mantêm a menina sedada e entubada, é evitar qualquer tipo de infecção através da pele de Emyli.

Os pais, Leonardo e Maiara, acompanham a filha na Capital do Estado.  Um carro da secretaria de Saúde de Lacerdópolis levou o casal, enquanto a filha decolou por volta das 23h no aeroporto Santa Terezinha de Joaçaba em um táxi aéreo com equipe médica especializada.

O incêndio ocorreu por volta das 8h30min em uma residência na rua da Liberdade, no centro de Lacerdópolis.  O fogo começou, segundo perícia do IGP, após sobrecarga na fiação que estava encostada no colchão do quarto onde a menina dormia.

Fonte: Rádio Barriga Verde

Nenhum comentário:

Postar um comentário